segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Preciso fazer como Andre, que armou a arapuca para chegar a Ana, como fazia com as rolinhas que caçava.

2 comentários:

kassia-borges disse...

Andre é aquele homem que vem catando seus versos pelo chão???????????????

Selva Selva! disse...

André tá é discursando, repetindo ao avesso do pai... enterrando seus pés no chão, à espreita...